Resultados da pesquisa por: louis vuitton

Limpando a b**** com papel Louis Vuitton! – Imagem do Dia!

A imagem de hoje vem pra mostrar como a elegância tem mais haver com inteligência do que com dinheiro! E o artista Myounis captou essa mensagem perfeitamente em uma imagem com muita ironia! O artista faz uma série de propagandas falsas, com mensagens poderosas e ácidas!
Na propaganda do papel higiênico Louis Vuitton podemos ler no anúncio criado “Agora você pode confortavelmente dizer “Beije meu traseiro limpo com Louis Vuitton”” e ainda “Louis Vuitton, ridiculamente caro”!!!

Elegante mesmo é doar pra caridade!

*Imagens Reprodução

Anúncios

E o novo estilista da Dior é…

Meses depois da polêmica saída de John Galliano da direção criativa da Dior, finalmente foi anunciado seu substituto (pra valer) – não, não será Marc Jacobs, que segue mais que firme, mais que forte na Louis Vuitton. O mais novo couturier do pedaço é ninguém menos que Raf Simons!

O estilista, que antes atendia pela marca Jil Sander, já foi questionado pela imprensa sobre seu estilo minimalista, no que ele prontamente respondeu “Eu não acho que seja errado me chamar de minimalista, eu acho errado me chamar de apenas minimalista” e mais “(…) Eu não iria para lá se tivesse apenas minimalismo na cabeça”.
AHAZA Raf, não liga pra esses invejosos, o minimalismo era parte importante da criação na Jil Sander. Mas agora os desafios são outros.
Aguardamos com ansiedade os próximos passos desse novo casamento!

*Imagem Reprodução

Os Acessórios da Temporada!

O site Style.Com deve ser a maior autoridade no quesito desfiles da temporada internacional. No circuito NY – Londres – Milão – Paris não tem pra ninguém. Todos os desfiles estão lá, com imagens, da beleza, dos acessórios, da primeira fila!
Eles montaram uma lista com os melhores acessórios da temporada e a gente mostra aqui pra vocês, começando pelos sapatos!

Alexander Wang, Verão 2012!

Balenciaga, Verão 2012!

Gianvito Rossi, Verão 2012!

Givenchy, Verão 2012!

Louis Vuitton, Verão 2012

Nicholas Kirkwood, Verão 2012!

Nina Ricci, Verão 2012!

Prada, Verão 2012!

Rochas, Verão 2012!

Tabitha Simmons, Verão 2012!

Agora as bolsas!

Alexander Wang, Verão 2012!

Céline, Verão 2012!

Dries Van Noten, Verão 2012!

Fendi, Verão 2012!

Givenchy, Verão 2012!

Gucci, Verão 2012!

Lanvin, Verão 2012!

Marc Jacobs, Verão 2012!

Roger Vivier, Verão 2012!

Valentino, Verão 2012!

E ainda faltam as jóias!

Aurélie Bidermann, Verão 2012!

Delfina Delettrez, Verão 2012!

Dries Van Noten, Verão 2012!

Eddie Borgo, Verão 2012!

Giambattista Valli, Verão 2012!

Hervé Van der Straeten, Verão 2012!

Marni, Verão 2012!

Repossi, Verão 2012!

Solange Azagury-Partridge, Verão 2012!

The Row, Verão 2012!

E aí, o que vocês acharam da seleção?

*Imagens Reprodução!

Diversidade is Beautiful (Parte 2)

Ontem falamos aqui sobre uma nova geração de modelos que não tem um padrão europeu de beleza, mas ainda assim conseguiram entrar no exclusivo mundo das tops mais requisitadas do mundo, listadas pelo site Models.Com.

Mostramos Anais Mali, Tao Okamoto, Ajak Deng, Ming Xi e Nyasha Matonhodze.

E hoje além de tops de olinhos puxados e pele negra, teremos também Crystal Renn, representando e muito bem as Plus Size.

E continuamos a lista com Sui He!

Clientes: W Magazine, Vogue China, Love Magazine, Ralph Lauren, Lane Crawford.

Posição: 31.

Nacionalidade: Chinesa.

Shu Pei

Clientes: Hogan by Karl Lagerfeld, Gap, Vera Wang, Maybelline, Vogue China.

Posição: 29.

Nacionalidade: Chinesa.

Arlenis Sosa

Clientes: Lancôme, Vogue, Teen Vogue, Polo by Ralph Lauren, Harper’s Bazaar.

Posição: 25.

Nacionalidade: Dominicana.

Crystal Renn

Clientes: Jimmy Choo, Vogue Nippon, Vogue Germany, Chanel.

Posição: 21.

Nacionalidade: Americana.

Fei Fei Sun.

Clientes: Vogue Italia, Vogue, Louis Vuitton, W Magazine.

Posição: 19.

Nacionalidade: Chinesa.

Não percam a última parte do post amanhã ;).

Diversidade is Beautiful! (Parte 1)

Elas não são loiras e nem vieram do leste europeu, mas ainda assim chegaram lá!

Viraram musas nas passarelas mais requisitadas, em capas e editoriais das revistas mais respeitadas do circuito internacional e ainda estampando campanhas para marcas diversas, do fast ao high fashion.

O suficiente para coloca-las dentro da lista das 50 tops mais requisitadas do mundo segundo o Models.Com.

São elas as modelos que escolhemos para celebrar a diversidade, passeie entre imagens que traduzem o espírito múltiplo da moda.

Enjoy!!!

Anais Mali 

Clientes: Vogue, Vogue Italia, Vogue Paris, V Magazine, Gap, Levi’s.

Posição: 48.

Nacionalidade: Francesa.

Tao Okamoto

Clientes: Vogue China, Ralph Lauren, Kenzo, Bergdorf Goodman, D&G.

Posição: 46.

Nacionalidade: Japonesa

Ajak Deng

Clientes: Vogue, I-D, Topshop e Benetton.

Posição: 44

Nacionalidade: Sudanesa

Ming Xi

Clientes: Vogue China, Givenchy, Diane Von Furstenberg e Lane Crawford

Posição: 42

Nacionalidade: Chinesa

Nyasha Matonhodze

Clientes: Love Magazine, Louis Vuitton, Topshop.

Posição: 39

Nacionalidade: Zimbabuana

Amanhã eu mostro mais ;).

Estreando 2011!

Para começar o ano com o pé esquerdo nada melhor do que conferir as capas das edições de janeiro das principais revistas de moda do mundo para descobrirmos o que continua em voga no começo dessa década que acaba de nascer.

As Numéros e Marc Jacobs: Na edição francesa temos a modelo Jac Jagaciak usando blusa de inspiração chinesa, não sabemos se a peça é da coleção Verão 2011 da Louis Vuitton de fato, mas que foi a primeira coisa que pensamos quando vimos, isso foi. E na edição japonesa temos o estilista estampando a capa e trazendo um pouco do glamour setentista de sua coleção Verão 2011.

Tom Ford e as Vogues: O estilista, que mostrou em editorial na Vogue algumas peças de sua coleção Verão 2011, teve uma dessas imagens reutilizada e publicada na capa da edição coreana da revista. E não contente ele também foi responsável por editar a edição de Janeiro da Vogue Paris e saiu na capa junto com a modelo Daphne Groeneveld.
As atrizes e as Vogues: Estampando a edição americana está Natalie Portman e na edição do Reino Unido temos Keira Knightley. Qual vocês preferem?
O dourado: Lembram do vestido dourado da Balmain que permeou capas e mais capas em 2010? Em 2011 tem mais dourado fazendo a cabeça da mulherada nas capas da Vogue Turquia e Russia.
As plumas: 1º temos Gisele Bündchen na capa da Vogue Japonesa e depois Maryna Linchuk na Vogue Alemã.
Mas agora chega de 2010. Que em 2011 venha o ultra novo. Aguardamos.
*Imagens Reprodução

Recém saído da passarela – Imagem do dia!

 

0000

Louis Vuitton, imagem retirada do blog  Jak&Jil

De 2000 à 2010 em Poucas Imagens.

Pensando na melhor forma de registrar as mudanças que ocorreram na moda nesta década, o Planeta Moda prepara uma galeria de imagens com looksdesfilados há dez anos atrás, comparados aos looks que ditam tendência para a década que ainda está por vir. Escolhemos as marcas que achamos melhor traduzir os comportamentos e desejos da década:

Balenciaga, com seu discurso sobre um Street Wear sofisticado, que provoca desejo e reflete a roupa e comportamento de pessoas ao redor de todo o globo.

Prada e sua moda intelectual, com muito espaço para a experimentação de novas matérias primas e seus tecidos tecnológicos.

Hussein Chalayan, em óbvio processo para tornar a marca mais comercial, sem a menor pretensão de se transformar em it brand da temporada, ainda desfila uma atitude e um shape futurista.

Givenchy, que se reinventa nas mãos de Riccardo Tisci, à frente da direção criativa da marca desde 2005, substituindo Alexander McQueen. Uma alfaiataria precisa e um refinamento digno de Audrey Hepburn, que teve a maioria dos seus figurinos desenhados pelo Givenchy itself.

Louis Vuitton e sua força criativa, chamada Marc Jacobs, responsável por transformar a marca na mais lucrativa empresa da França e tornar seu dono o homem mais rico do país. Na marca que leva seu nome, Marc Jacobs recebe status de maior Image Maker da década, com suas já icônicas campanhas fotografadas por Juergen Teller.

Mas nem só de desfiles se fizeram esses anos todos. A internet muda profundamente a maneira como vemos o mundo e não poderia deixar de ser diferente com a forma como nos apresentamos a ele, através, é claro, da moda. E o maior expoente da moda na internet só podia ser The Sartorialist, que redefine a idéia da busca pelo novo e redireciona os olhos da moda para o lugar onde ela nasce: a rua. Eleito um dos 100 designers mais influentes do planeta, apenas por publicar fotos das, então chamadas, “pessoas mais bem vestidas do mundo”. O designer desencadeou, assim, uma febre de blogs por todo o globo com fotos de street style.

E, para confirmar o desejo de uma nova idéia, o ano termina com Raquel Zimmermann, ainda encabeçando a lista das tops mais importantes do mundo, segundo o site Models.Com. Dez anos atrás poderíamos encontrar a também loira Angela Lindvall no topo da lista. A diferença entre as duas, além da nacionalidade (Angela é americana e Raquel, brasileiríssima) é a postura ultrasexy de Angela, em contraponto à androginia de Raquel.

Claro que o ano não pode ser definido em tão poucas imagens, mas a diversão  é mesmo tentar encontrar um caminho para tanta mudança, em tão pouco tempo. Talvez não uma mudança nos shapes (o vestido na terceira foto da Balenciaga pode ser encontrado no desfile de 2006 da marca, apenas sendo diferente o tecido), mas sim na atitude, que se coloca menos austera, implicando uma nova idéia de chic, nova perspectiva de futuro e talvez até mesmo de moda.

Mas, como sendo mutantes, não podemos esperar que essa imagem perdure por mais 10 anos (sinceramente, eu não espero que isso dure mais do que seis meses). Certamente, poderemos tirar as dúvidas em menos um semestre, assim que recomeçarem os desfiles da temporada internacional.

Obs: Para os desfiles masculinos os registros mais antigos datam de 2005 diferentemente dos femininos que datam de 2000)

 

Make Do And Mend

Sabe aquela clássica prova de Project Runaway, onde os candidatos à estilista são levados a um supermercado e desafiados a construir um look com materiais descobertos por ali mesmo? Pois então, essa é a proposta do editorial “Make Do And Mend”, publicado na edição de novembro da British Vogue, uma espécie de “faça você mesmo” da moda, com um orçamento não tão apertado assim, afinal o look mais caro chega a custar 120 libras esterlinas (algo em torno de 340 reais).

A editora inglesa Kate Phelan é a responsável pelo styling. Cada peça que criou possui um senso estético único, mesmo que em determinada foto, onde ela utiliza sacos plásticos para construir alfaitaria, possamos ver fita crepe, utilizada pra fazer a fixação da gola, ainda assim algumas peças parecem ter uma execução impecável. O casaco e a saia feitos de bolinhas de algodão, na minha opinião, deveriam ir direto para as passarelas.

É divertido poder observar a forma adotada para apresentar, não uma, mas duas tendências: as de consumo imediato, traduzidas na paleta de cores e também nas formas e volumes dos looks. Porém, mais importante do trazer o lixo pra dentro do templo de luxo que é a Vogue, mostrar que, de fato, o luxo e a exclusividade estão com os dias contados… Quem ainda está disposto a pagar milhares de reais em uma bolsa Louis Vuitton, além de socialites alienadas?

No editorial, Tim Walker, como não poderia deixar de ser, fotografa a top polonesa Malgosia Bela. Algo como uma dupla dos sonhos, preparando uma festa imagética.

Na Galeria de imagens disponibilizamos todas as páginas do editorial. É interessante observar o texto ao lado das imagens, que descreve os materiais utilizados, a proposta e o preço.

Tricks & Treats

A edição de outubro da Harper’s Bazaar faz uma homenagem a estética de Tim Burton, estética que parece estar mais atual que nunca, no editorial Tricks & Treats.

Fotografado por Tim Walker e assinado pelo editor Jacob K, conta com a participação das modelos Malgosia Bela, diga-se de passagem uma das tops mais competentes no quesito criar belas imagens, Evelina Mambetova, Sophie Srej e também do diretor itself, que estava lá vestido de papai noel.

Em meio a esqueletos gigatescos e crânios em cenário bucólico as meninas brincam com as fantasias dos pesadelos em preto e vermelho do diretor, vestindo Nina Ricci, Alexander Mcqueen, Louis Vuitton e até mesmo Yohji Yamamoto.